AS PALAVRAS OBRIGATÓRIAS

.

Um exercício de escrita que gosto de propor aos meus alunos é o da "PALAVRAS OBRIGATÓRIAS". Peço-lhes que escrevam um texto, poético ou não, em que, obrigatoriamente, empreguem um determinado conjunto de palavras. Depois... é engraçado ver os diferentes caminhos que as palavras seguem, rumo a diferentes contextos, conforme a imaginação e criatividade de cada um.

Eis alguns exemplos com as seguintes palavrasmagia,  coração,  vida,  poesia,   jardimnatureza,  belezameninoalegriabalãofantasia.

Primavera

Quando a Primavera chega
tudo se enche de alegria
e todo o jardim
fica coberto de magia.

O menino sai para a rua
para brincar com o balão
a Primavera fica contente
tem um grande coração.

O menino fica contente
com aquela natureza,
há muitas flores
e tudo é uma beleza.

E na vida do menino
tudo mudou,
quando a Primavera
ali chegou.

E no fim desta poesia
tudo era fantasia!

Mariana Leal, nº 22- 5º E


O CONCURSO DE POESIA 

     Era uma vez um menino que gostava de escrever poesia. Fazia poesia sobre a natureza, a alegria e a fantasia. Quando escrevia, tinha alegria no coração.
     Certo dia, o menino viu um panfleto de um concurso de poesia, e lá vinha escrito: « O concurso realiza-se no Jardim do Parque, no dia 4 de fevereiro, às 15h. Se quiser mais informações, consulte o site http://www.concursopoesia.pt/».
     O menino foi logo a correr contar à mãe e perguntou-lhe:
     - Mãe, posso entrar num concurso de poesia? Entrar num concurso de poesia é o sonho da minha vida...
     - Claro, filho, quando é?
     - É no domingo, faltam dois dias. Tenho de preparar-me!- respondeu o menino.
     Lá passaram os dias e o menino não parou de treinar.
     Chegada a hora do concurso, o menino escreveu uma poesia com magia. Entregou-a e os juízes disseram:
     - Tu fazes poesia com tanta magia e com tanta beleza, que ganhaste!!! Toma um balão, é o teu prémio!!!

Beatriz Querido, nº5- 5º E

O Balão
Balão, balão,
Vem aí o Verão.

Com magia
E alegria
O Verão
Entra no coração.

A Natureza a crescer
O tempo a aquecer
E o menino
Começa a comer.

A beleza do Verão
Alegra-nos o coração.
Com o jardim a brilhar
Não há poças para molhar.

Balão, balão,
Vem aí o Verão!

Diogo António Marques, nº 7- 5º E


O MENINO

     Era uma vez um menino que ia a passear na rua e, quando viu um jardim cheio de flores, achou logo que devia ser o seu local secreto.
     O menino adorava a natureza, e sempre que a via, pensava que o seu coração ia rebentar de alegria.
     Certo dia, o menino foi dar uma volta ao parque e parou no lugar dos balões. Comprou um balão que ele achou que era a maior beleza que  já tinha visto. Mas tudo não passava de uma fantasia para a sua vida ficar mais engraçada.
     O menino tinha magia no coração e por isso dedicou-se à poesia. O menino escreveu uma poesia que era assim:
                                                As rosas são vermelhas
                                                Lindas de encantar
                                                Eu tinha razão
                                                Vamos todos amar.
 Ruben Nazaré, nº 26- 5º E

Também houve quem quisesse fazer homenagem à Primavera, escrevendo este bonito texto:

Nova, bela e leve!
Chegou a Primavera!
Vem de lindos sapatinhos
para dançar
espalha alegria
por onde está a passar.

Espalha lindas flores
por todos os prados
que dançam com as árvores
formando grandes bailados.

Ilumina o Sol
pára as nuvens e o vento
Vai-se embora o Inverno
que é tão barulhento.

Nova, bela e leve!
Chegou a Primavera!

Sónia Lucas, nº 27- 5ºE

6 comentários:

Francisca 6ºC disse...

olá...
passei pelo blog para ver as novidades e fiquei encantadíssima!
professora, temos poetas!!!
bjs kika

jardimdasletras disse...

Olá,Francisca! É sempre agradável ler um comentário teu. Tens sempre palavras gentis para os trabalhos dos teus colegas e acho que eles ficam contentes...
Beijinhos e bom fim de semana para ti,
Lígia

Mariana Leal 5º E disse...

Olá professora. Passei por aqui para ver os novos trabalhos. EStão muito giros.
Bjs Mariana Leal 5ºE

jardimdasletras disse...

Viva, Mariana!

Obrigada pelo teu passeio neste jardim.

Beijinhos,
Lígia

Anónimo disse...

Olá professora

Vim dar uma volta pelo jardim e encontrei uns poemas muito engraçados a voar por ai .....
Muitos parabens aos escritores!!!!

Beijinhos grandes Margarida Paula 6ºC

jardimdasletras disse...

Pois claro, Margarida! Com uma noite destas apetece mesmo uma voltinha antes de dormir. Fizeste bem! Amanhã, se tiver tempo, talvez haja novidades sobre a nossa ida ao teatro. Aqui ou no Tordesilhas...
Beijinhos e até amanhã!