PATRIMÓNIO ORAL II - Trava-línguas

Os contos, as lendas os provérbios passam de geração em geração porque as pessoas os vão contando, e muitos têm sido contados em livros. Esta herança da nossa língua e da nossa cultura chama-se património oral.

Depois de termos lido alguns contos tradicionais ( e de termos hoje feito um teste sobre este assunto…) o 6º C anda agora a trabalhar as lengalengas e trava-línguas.

Os TRAVA-LÍNGUAS e/ou DESTRAVA-LÍNGUAS são textos em que se reúnem palavras com sons muito parecidos, tornando-se por isso difíceis de dizer. Estes textos travam a língua, mas também a destravam a quem os consegue dizer sem se enganar. Assim se treina a articulação dos sons.

Os TRAVA-LÍNGUAS baseiam-se em cacofonias ou em aliterações
( repetição muito próxima da mesma consoante), ou em ambas as coisas.

Aqui estão alguns trava-línguas conhecidos para praticares a tua articulação:

Porque palras pardal pardo
Palro sempre e palrarei
Porque sou um pardal pardo
E palrador d’el-rei.

Saiu o semeador a semear a sua semente

Um tigre dois tigres três tigres

Também a turma 6º C fez algumas experiências…


A Rita ri
porque o rato corre
atrás da ratazana
que irritou o rato
por este roer
a ração do gato.

Matilde Afonso

Padre Paulo Pedro Pinto Pintão
Primo de Paula Paça Pazinho
Comeu à pala com o patrão
No Porto Portinho
Padre Paulo Pedro Pinto Pintão
Tropeçou numa pinha
E caiu no rio Minho

J. Pedro e Mª Margarida

Bernardo Bernardino,
o bebé bem bonitinho,
que tem pais babados
faz uma birra
pois quer beber o leite
do seu biberãozinho.
Chega a Bárbara Bigonsa,
a mãe do bebé,
e dá-lhe o biberão
com leite bem quentinho.

Mariya Marshenko

O Tio da Tamara tirou a tampa
Que tapava a toca da tartaruga
Que tinha uma tiara de tronco de teca
Que tinha tirado à sua tia
Há trinta e três anos atrás…

Ana Beatriz e Carolina Carvalho

O filho do Francisco
Fez uma fonte muito feia
Fora de França
E foi à Finlândia cantar o fado
Mas foi um falhanço
Muito falado em Faro!
O filho do Francisco
Ficou famoso
Mesmo sendo um fracasso.

Miguel Castro

O Tomás trepou o telhado
Da jaula do tigre tarado
O tigre zangado mordeu o Tiago
Amigo do Tomás trapalhão
Que fugiu atrapalhado
Com o Tiago enervado
A rojar pelo chão

Mariana Marques e Pedro João


Proposta1: Procura num dicionário a definição de cacofonia e regista-a num comentário.
Proposta 2: Copia um destes trava-línguas para o teu caderno diário e ilustra-o com imagens a teu gosto, desenhadas por ti, pesquisadas na net ou recortadas de revistas, por exemplo.
Obrigada pela tua colaboração! : )

5 comentários:

Anónimo disse...

Olá professora!!!

Vou tentar procurar o sigificado de cacofnia e ilustrar um trava línguas .

acho muito interssante passar por aqui

Muitos Beijinhos , Margarida Paula 6º C

Lígia disse...

Olá Margarida!Olha que também é bom passar por aqui e encontrar um comentário assim simpático como o teu...
Um beijinho e bom fim-de-semana com chuva : (((

Francisca disse...

Olá professora vou tentar realizar estas duas propostas!!!
Beijinhos e um resto de um bom fim--de-semana!

Lígia disse...

Está bem, Francisca! Com esta chuva não dá para fazermos grandes passeios, então aproveitemos o nosso tempo para outros trabalhos, não é? E tu até costumas fazer coisas giras, portanto...mãos à obra!
Beijinhos.

Anónimo disse...

olá professora!!!

Encontrei o significado de cacofonia.

cacofonia- s.f som desagradável resultante do encontro do final de uma palavra com o começo da seguinte .

Muitos beijinhos e ate amanhã

Margarida Paula 6º C